COMPARTILHE
(Foto: Montagem/ Ari Júnior)

Cruzeiro e Internacional se enfrentaram nesse domingo, 09/04, pelo segundo jogo das quartas de final do Campeonato Gaúcho. A partida que foi disputada no Vieirão em Gravataí, foi vencida pelo Inter por 2×0, com gols de Victor Cuesta e Nico López. Nas semi-finais o duelo do Inter será contra o Caxias, mas antes, na quarta-feira, o Internacional joga pela Copa do Brasil contra o Corinthians.

(Foto: Ricardo Duarte/Inter)
(Foto: Ricardo Duarte/Inter)

Com a desvantagem de ter perdido a primeira partida por 3×1, o Cruzeiro foi para o tudo ou nada e se lançou ao ataque no início do jogo. O Inter soube se fechar e segurar o ataque da equipe estrelada que chegou a criar algumas chances, mas o goleiro Marcelo Lomba teve boa atuação. Aos 26 minutos o colorado foi cirúrgico para aumentar sua vantagem. Após um escanteio, Roberson recebeu nas costas da zaga e tocou para o argentino Victor Cuesta marcar seu primeiro gol com a camisa vermelha. O Cruzeiro sentiu o gol, e acabou se perdendo na partida, com a larga vantagem do Inter no placar agregado. Aos 43 minutos, mais um gol castelhano no Inter. Nico López se aproveitou de um erro na saída de bola da zaga azul, e marcou de fora da área com a perna esquerda. O Inter abria 5×1 no placar agregado.

(Foto: Ricardo Duarte/Inter)

Na segunda etapa, Zago aproveitou para poupar alguns jogadores para a partida contra o Corinthians na quarta. Carlinhos deu lugar a Seijas. Valdívia também entrou no segundo tempo no lugar de Roberson e foi bastante aplaudido pelo torcedor. Carlos jogou alguns minutos também, voltando de lesão o atacante busca o ritmo de jogo após um período no DM. O Inter administrou sua vantagem, e mesmo com a insistência do Cruzeiro em marcar seu gol de honra, conseguiu manter o 2×0 no placar. Agora, o pensamento é na Copa do Brasil, onde começa a disputar a quarta fase essa semana, no clássico contra o Corinthians no Beira Rio.

NOTAS:

Cruzeiro: 6,0 / Ben Hur Pereira: 6,0 / Média da equipe: 6,0

Internacional: 7,5 / Antônio Carlos Zago: 7,5  / Média da equipe: 7,5

Arbitragem: 7,5

Média da Partida: 7,0

COMPACTO:

COLETIVAS:

(Foto: Divulgação)

Antonio Carlos Zago: “Fizemos um bom resultado em casa e aproveitamos as chances no primeiro tempo para ampliar a vantagem. A equipe está crescendo, os jogadores estão motivados e nós chegamos em um momento bom. Procuramos manter um equilíbrio no time, na parte ofensiva e defensiva. Devagar a equipe vai ganhando corpo. O importante é buscar sempre melhorar.”

(Foto: Tomas Hammes / GloboEsporte.com)

Roberto Mello: Queremos chegar em todos os campeonatos. Quero chamar nosso torcedor para esses dois jogos (Corinthians e Caxias). O nosso foco principal é voltar a série A, mas temos foco em todas as competições. Temos que fazer mais do que já fizemos para chegar à final.”

FICHA TÉCNICA:

Local: Estádio Vieirão, Gravataí – RS / Horário: 16h00 / Árbitro: Jean Pierre de Lima / Auxiliares: Leirson Peng Martins e Alexandre Kleiniche / Amarelos: Nico López (Inter) ; Dão (Cruzeiro) / Gols: Victor Cuesta (26’/1ºT), Nico López (43’/1ºT (Inter)

Cruzeiro: Deivity; John Lennon, Dão, Vladimir e Sander; Ben-Hur, Lucas Martins (Tawan), William Kozlovski e Ronaldo (Matheus); Thiago Alagoano (Jaderson) e Lucão.

Técnico: Beh-Hur Pereira

Internacional: Marcelo Lomba; William, Léo Ortiz, Cuesta e Carlinhos (Seijas); Rodrigo Dourado, Edenílson e Uendel; Roberson (Valdívia), Nico López (Carlos) e Brenner.

Técnico: Antonio Carlos Zago