COMPARTILHE
Foto: Carlos Insaurriaga

O Brasil conseguiu sua reação após sofrer duas derrotas seguidas para Ceará e Luverdense, o centroavante Lincom foi o cara da partida, veja como foi o jogo válido pela 8° rodada aqui no rsesporte.com.

No inicio da partida o jogo estava parelho, até os 30 minutos uma chance para cada lado, mas ai o centroavante Lincom apareceu e deixou a marca dele no final da primeira etapa.

Foto: Carlos Insaurriaga

No segundo tempo Maguinho foi expulso aos 2 minutos por entrada dura, o que facilitou a vida do xavante que continuou em cima dos visitantes e fez seu segundo gol com Lincom novamente. No final do jogo Rafinha também deixou o dele e decretou o 3×0 a favor do time da casa.

Na próxima rodada o Brasil vai até Caxias do Sul pegar o líder da série B, o jogo está marcado para ás 19h15mim de terça – feira (20/06), no Alfredo Jaconi.

Melhores Momentos:

 

Entrevistas depois do jogo:

Rafinha, meia do Brasil de Pelotas:A gente veio numa sequência boa no começo do campeonato. Depois tomamos duas pancadas, mas faz parte do campeonato. Conseguimos três pontos importantes. É descansar porque terça-feira tem mais”.

Wesley Matos, zagueiro do Vila Nova:O resultado ninguém esperava, mas temos que levantar a cabeça. A derrota serve de lição. Temos que ter o equilíbrio durante os 90 minutos para não perder jogadores. Infelizmente perdemos no nosso erro”.

 

Ficha Técnica:

Local: Estádio Bento freitas, Pelotas – RS / Horário: 19h/  Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF) / Assistentes: José Reinaldo Nascimento (DF) e Leila Naiara Moreira (DF)/ Amarelos: Marcinho (Brasil); Maguinho e Brunão (Vila)/Vermelho: Maguinho (Vila) / Gols: Lincom, aos (42min1T) e aos (26min2T), e Rafinha, aos (46min2T) (Brasil).

Brasil de Pelotas: Eduardo Martini; Wender, Leandro Camilo, Evaldo e Breno; Itaqui, João Afonso, Bruno Lopes (Nem), Rafinha e Elias (Marcinho); Lincom (Gustavo Papa).

Técnico: Rogério Zimmermann.

Vila Nova: Wendell; Maguinho, Bruno Prado, Wesley Matos e Gastón Filgueira; Geovane, PH, Mateus Anderson (Jajá), Alan Mineiro (Vinícius Leite) e Alípio; Marcos Paulo (Fernando Medeiros).

Técnico: Hemerson Maria.